Numa tarde cansada de outono, quando o sol se escondeu no horizonte. Ao ruído infantil de uma fonte, eu me pus a pensar em você. Em você que se sente perdido quando põe seu olhar nas estrelas, e de tanto contá-las e vê-las, já não sabe se crê ou não crê. Eu conheço as milhões de perguntas que você que falou que não crê, e que diz que só crê no que vê, todo dia pergunta pra Deus. Eu conheço as milhões de respostas, que ninguém tem coragem de dar, quando a vida nos vem questionar; Como vê somos todos ateus. Numa tarde tristonha de inverno retornei ao murmúrio da fonte. Não havia mais sol no horizonte, e eu me pus a pensar nos cristãos. Nos cristãos que se sentem tranquilos, quando põe seu olhar nas estrelas. E de tanto contá-las e vê-las, nunca mais põe os olhos no chão. Eu conheço as milhões de respostas, que esta gente que fala que crê, mas não ouve, não pensa e não lê, não responde por medo de Deus. Eu conheço as milhões de perguntas que os cristãos nunca ousam fazer. Pois terão de se comprometer; Como vê somos todos ateus.

O homem é um Universo em Evolução

O homem é um Universo em Evolução

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Cristo falou comigo através do Padre Zezinho


Eu ainda me lembro dos Retiros Espirituais nos tempos de carnavais. Era maravilhoso estar entre os Jovens e entre todos do bairro em que eu morava, pregando o Evangelho de Cristo. Depois de alguns anos no meu Grupo de Jovens, fui eleito por eles como Conselheiro Espiritual do Grupo. Isso foi para mim uma grande honra, fiquei muito feliz, mas consegui manter a humildade entre os meus. Em um certo dia fui escolhido pelo meu Grupo de Jovens para fazer o "TLC" (Treinamento de Liderança Cristã), foram 3 dias de curso. Por coincidência ou destino, o Padre Zezinho estava na cidade e veio ao TLC ensinar e pregar a Palavra para todos os Jovens que faziam o curso. Eu me sentia muito feliz, pois, tive o privilégio de conhecer o meu ídolo pessoalmente, que me inspirou a buscar á Deus através de suas belas canções. Eu sempre amei as músicas de Padre Zezinho e via nele um verdadeiro Profeta de Deus. Eu era muito Fã dele me sentia muito feliz de ao vê-lo pregando aos Jovens do curso. Em certa noite no TLC , na hora do jantar, eu estava entre os outros Jovens ouvindo os ensinamentos do Padre Zezinho, quando de repente comecei a ter maus pensamentos sobre ele, por vê-lo falar e pregar de modo meigo e carinhoso para nós do TLC. Ouvindo e vendo-o na minha frente pregando o Evangelho, maldosamente eu comecei a me perguntar em pensamento: - Será que o Pe. Zezinho é Gay.? Com esse modo suave de falar, será que ele é homossexual.? E no momento que eu pensava olhando para ele, fiquei apavorado e assombrado, pois, vi a Imagem de Jesus Cristo transparente no corpo dele. Eu via ao mesmo tempo o Padre zezinho pregando e a Imagem de Cristo me olhando com um olhar de repreensão. 
Nesse momento, eu tremi de medo, pois, Jesus Cristo com um olhar de repreensão me perguntou: - Porquê pensas mal do meu Servo.? Fiquei apavorado e tremia de medo, porquanto vi e ouvi Cristo decepcionado me repreendendo. Aquela Visão me perturbou muito e não conseguir dormir naquela noite. Todos no Dormitório perceberam que eu estava muito nervoso e tão amedrontado ao ponto de tentar dormir embaixo da cama. Aquela noite foi pra mim muito assustadora e eu fiquei muito perturbado que cheguei a ter medo até dos colegas de quarto. A noite passou e eu vi o dia Amanhecer, era o último dia no curso do TLC. E naquele dia, na despedida do TLC, estávamos no Auditório para comemorar o Término do curso e ouvir a última Pregação do Padre. Zezinho no curso.  Eu estava no palco do Auditório em frente ao Padre Zezinho que perguntou se alguém  queria falar alguma coisa ou dar um testemunho sobre o Curso no TLC.   Eu não vi ninguém querendo falar ou se manifestar para o Auditório que estava lotado com os Pais dos Jovens que fizeram o curso e também muita gente de grupos de jovens, inclusive o meu pessoal do Grupo de Jovens. Então,  em frente ao Padre Zezinho, eu tive coragem de falar e dar o meu testemunho de Fé .  Vi o meu Grupo de Jovens orgulhoso por mim e isso me deu muita coragem para falar. Depois tirei fotos com o Padre zezinho e com os meus amigos do curso, mas não me lembrei de conseguir as fotos para guardar como lembrança do dia em que Vi Cristo através do Padre Zezinho.  Voltei para casa perturbado com aquela Visão a qual Vi e Ouvi Jesus Cristo me repreendendo, naquela noite, visível no corpo de Padre Zezinho

Balada Por Um Reino
Padre Zezinho
Por causa de um certo reino, estradas eu caminhei
Buscando, sem ter sossego, o reino que eu vislumbrei
Brilhava a Estrela Dalva e eu quase sem dormir,
buscando este certo reino e a lembrança dele a me perseguir!
Por causa daquele reino, mil vezes eu me enganei!
Tomando o caminho errado, errando quando acertei!
Chegava ao cair da tarde, e eu quase sem dormir,
buscando este certo reino e a lembrança dele a me perseguir!
Um filho de carpinteiro que veio de Nazaré,
mostrou-se tão verdadeiro, pôs vida na minha fé
Falava de um novo reino, de flores e de pardais,
de gente arrastando a rede, que eu tive sede da sua paz!
O filho de carpinteiro falava de um mundo irmão;
De um Pai que era companheiro de amor e libertação
Lançou-me um olhar profundo, gelando o meu coração;
Depois me falou do mundo, e me deu o selo da vocação!
Agora quem me conhece, pergunta se eu encontrei
o reino que eu procurava, se é tudo o que eu desejei
E eu digo pensando nele: no meio de vós está
o reino que andais buscando, e quem tem amor compreenderá!
Jesus me ensinou de novo, as coisas que eu aprendi,
por isso eu amei meu povo e o Livro da Vida eu li
E em cada menina moça, em cada moço rapaz,
eu sonho que a minha gente será semente da eterna da eterna paz.

Sobre os Dízimos e as Ofertas

Dar o dízimo é reconhecer que tudo aquilo que nós temos vem do Senhor. Significa devolver uma pequena parte de tudo aquilo que Deus derrama nas nossas vidas. Quando temos um coração grato, certamente damos com alegria.
O dinheiro não é uma coisa má: é neutra, ou seja, com ele podemos fazer coisas boas ou más. Se nós amamos o dinheiro, certamente não amamos a Deus. Assim, quando somos capazes de entregar para Deus parte do nosso dinheiro, estamos confiando n'Ele e quebrando o poder do dinheiro nas nossas vidas.

Ofertar para Deus é uma forma de agradecer por tudo que ele tem feito. Deus é o dono de todo sustento e é ele que nos dá tudo que precisamos para viver. Ofertar e dizimar é reconhecer que o sustento vem de Deus e que confiamos nele.
Os dízimos e as ofertas servem para manter a obra da igreja. Deus não precisa do dinheiro mas cada igreja tem despesas. Ninguém é obrigado a dizimar mas quem desfruta da igreja deve ajudar a mantê-la.


Os dízimos são a décima parte do rendimento, que é oferecido a Deus. No Antigo Testamento, os dízimos dos israelitas serviam para manter o templo, os sacerdotes, os levitas e as pessoas mais pobres. Os dízimos são uma forma de agradecer a Deus por sua providência e mostrar dedicação a ele.
Não há mandamento no Novo Testamento sobre os dízimos. Mas a Bíblia diz o crente tem a responsabilidade de contribuir para o mantimento da igreja e de quem trabalha para a igreja. Os dízimos também devem servir para ajudar os irmãos mais pobres.


Ainda que eu dê aos pobres tudo o que possuo e entregue o meu corpo para ser queimado, se não tiver amor, nada disso me valerá. 
1 Coríntios 13:3



DÍZIMO, E A MALDIÇÃO DOS QUE NÃO PAGAM
"Pode um homem roubar de Deus? Contudo vocês estão me roubando. E ainda perguntam: 'Como é que te roubamos?' Nos dízimos e nas ofertas. Vocês estão debaixo de grande maldição porque estão me roubando; a nação toda está me roubando. Tragam o dízimo todo ao depósito do templo, para que haja alimento em minha casa. Ponham-me à prova", diz o Senhor dos Exércitos, "e vejam se não vou abrir as comportas dos céus e derra­mar sobre vocês tantas bênçãos que nem terão onde guardá-las.
Malaquias 3:8-10
"Separem o dízimo de tudo o que a terra produzir anualmente. 
Deuteronômio 14:22

Lembrem-se: aquele que semeia pouco também colherá pouco, e aquele que semeia com fartura também colherá fartamente. Cada um dê conforme determinou em seu coração, não com pesar ou por obrigação, pois Deus ama quem dá com alegria. 
2 Coríntios 9:6-7

"Todos os dízimos da terra - seja dos cereais, seja das frutas - pertencem ao Senhor; são consagrados ao Senhor. 
Levítico 27:30

Jesus sentou-se em frente do lugar onde eram colocadas as contribuições e observava a multidão colocando o dinheiro nas caixas de ofertas. Muitos ricos lançavam ali grandes quantias. Então, uma viúva pobre chegou-se e colocou duas pequeninas moedas de cobre, de muito pouco valor. Chamando a si os seus discípulos, Jesus declarou: "Afirmo que esta viúva pobre colocou na caixa de ofertas mais do que todos os outros. Todos deram do que lhes sobrava; mas ela, da sua pobreza, deu tudo o que possuía para viver". 
Marcos 12:41-44

Há quem dê generosamente,
e vê aumentar suas riquezas;
outros retêm o que deveriam dar,
e caem na pobreza. 
Provérbios 11:24

Cada um dê conforme determinou em seu coração, não com pesar ou por obrigação, pois Deus ama quem dá com alegria. 
2 Coríntios 9:7

E aquele que jurar pelo altar isso nada é; mas aquele que jurar pela oferta que está sobre o altar, esse é devedor.
Insensatos e cegos! Pois qual é maior: a oferta, ou o altar, que santifica a oferta?
Portanto, o que jurar pelo altar, jura por ele e por tudo o que sobre ele está;
Mateus 23:18-20

Porque este Melquisedeque, que era rei de Salém, sacerdote do Deus Altíssimo, e que saiu ao encontro de Abraão quando ele regressava da matança dos reis, e o abençoou;
A quem também Abraão deu o dízimo de tudo, e primeiramente é, por interpretação, rei de justiça, e depois também rei de Salém, que é rei de paz;
Sem pai, sem mãe, sem genealogia, não tendo princípio de dias nem fim de vida, mas sendo feito semelhante ao Filho de Deus, permanece sacerdote para sempre.
Considerai, pois, quão grande era este, a quem até o patriarca Abraão deu os dízimos dos despojos.
E os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm ordem, segundo a lei, de tomar o dízimo do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de Abraão.
Mas aquele, cuja genealogia não é contada entre eles, tomou dízimos de Abraão, e abençoou o que tinha as promessas.
Ora, sem contradição alguma, o menor é abençoado pelo maior.
E aqui certamente tomam dízimos homens que morrem; ali, porém, aquele de quem se testifica que vive.
E, por assim dizer, por meio de Abraão, até Levi, que recebe dízimos, pagou dízimos.

Porque ainda ele estava nos lombos de seu pai quando Melquisedeque lhe saiu ao encontro.
De sorte que, se a perfeição fosse pelo sacerdócio levítico (porque sob ele o povo recebeu a lei), que necessidade havia logo de que outro sacerdote se levantasse, segundo a ordem de Melquisedeque, e não fosse chamado segundo a ordem de Arão?
Porque, mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também mudança da lei.
(Hebreus 7:1-12)


O PERIGO DE MENTIR SOBRE O DÍZIMO

Mas um certo homem chamado Ananias, com Safira, sua mulher, vendeu uma propriedade,
E reteve parte do preço, sabendo-o também sua mulher; e, levando uma parte, a depositou aos pés dos apóstolos.

Disse então Pedro: Ananias, por que encheu Satanás o teu coração, para que mentisses ao Espírito Santo, e retivesses parte do preço da herdade?
Guardando-a não ficava para ti? E, vendida, não estava em teu poder? Por que formaste este desígnio em teu coração? Não mentiste aos homens, mas a Deus.
E Ananias, ouvindo estas palavras, caiu e expirou.
E um grande temor veio sobre todos os que isto ouviram.
E, levantando-se os moços, cobriram o morto e, transportando-o para fora, o sepultaram.
E, passando um espaço quase de três horas, entrou também sua mulher, não sabendo o que havia acontecido.
E disse-lhe Pedro: Dize-me, vendestes por tanto aquela herdade? E ela disse: Sim, por tanto.
Então Pedro lhe disse: Por que é que entre vós vos concertastes para tentar o Espírito do Senhor? Eis aí à porta os pés dos que sepultaram o teu marido, e também te levarão a ti.
E logo caiu aos seus pés, e expirou. E, entrando os moços, acharam-na morta, e a sepultaram junto de seu marido.
E houve um grande temor em toda a igreja, e em todos os que ouviram estas coisas.
(Atos 5:1-11)

Roubará o homem a Deus? Todavia vós me roubais, e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas.
Com maldição sois amaldiçoados, porque a mim me roubais, sim, toda esta nação.
Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim nisto, diz o Senhor dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma bênção tal até que não haja lugar suficiente para a recolherdes.
Malaquias 3:8-10