Numa tarde cansada de outono, quando o sol se escondeu no horizonte. Ao ruído infantil de uma fonte, eu me pus a pensar em você. Em você que se sente perdido quando põe seu olhar nas estrelas, e de tanto contá-las e vê-las, já não sabe se crê ou não crê. Eu conheço as milhões de perguntas que você que falou que não crê, e que diz que só crê no que vê, todo dia pergunta pra Deus. Eu conheço as milhões de respostas, que ninguém tem coragem de dar, quando a vida nos vem questionar; Como vê somos todos ateus. Numa tarde tristonha de inverno retornei ao murmúrio da fonte. Não havia mais sol no horizonte, e eu me pus a pensar nos cristãos. Nos cristãos que se sentem tranquilos, quando põe seu olhar nas estrelas. E de tanto contá-las e vê-las, nunca mais põe os olhos no chão. Eu conheço as milhões de respostas, que esta gente que fala que crê, mas não ouve, não pensa e não lê, não responde por medo de Deus. Eu conheço as milhões de perguntas que os cristãos nunca ousam fazer. Pois terão de se comprometer; Como vê somos todos ateus.

O homem é um Universo em Evolução

O homem é um Universo em Evolução

sexta-feira, 22 de julho de 2016

A Destruição das Igrejas Evangélicas e o Fim dos Dias


Estava eu a meditar sobre Deus em uma noite calma do meu quarto, e de repente fui arrebatado em Espírito a uma Visão.  Vi uma luz vermelha, a qual me fez saber se tratar de Jesus Cristo, falando com um Homem Idoso. Então escutei a conversa entre a Luz vermelha e o Idoso que entendi se tratar de Deus Pai.  E a Luz vermelha falou ao Idoso: - Pai, eu irei e destruirei todas as Igrejas Cristãs na face da Terra. E o Idoso respondeu: -  vá, assim seja. E a Luz vermelha perguntou ao Idoso: - Pai, eu irei e destruirei também a Igreja Católica, posso assim fazer.? E o Idoso respondeu: - Não, não faça nada contra a Igreja Católica, pois, esta é a Igreja do meu coração.
Eu fiquei intrigado com aquela Visão e com aquela conversa, e perguntei á Luz vermelha que me fez entender se tratar de Jesus Cristo. - Senhor, porquê destruirás as Igrejas Cristas? E ele me respondeu: - A confusão é grande e em breve as pessoas não precisarão ser instruídas por Pastores humanos, pois, cada pessoa será a própria Igreja e eu serei o Único Pastor em cada um. E então, eu perguntei novamente: -  Mas, quanto a Igreja Católica, porquê Deus o Pai não permitiu a sua destruição.? E ele me respondeu: - Meu Pai tem seus motivos, e são motivos que não podem ser conhecidos, pois a seu tempo serão revelados. E a Luz vermelha me levou para ver todos os homens da Terra, e vi que todos estavam felizes e já não havia mais sofrimentos, porém, eu notei que a terra estava modificada e não se falava mais em Religião. Então a Luz  vermelha me falou: - Veja que cada pessoa tem o seu próprio Universo. E ainda a Luz me falou: - Existem muitos Universos querendo invadir o seu Universo, não permitas isso, fique sempre vigilante, e também não queira invadir os Universos aos quais você pode ver.  Então, eu olhei as pessoas e vi que cada uma tinha acima da cabeça um tipo de Corôa em forma de Universo. Pensei em perguntar o que significaria aqueles Universos nas cabeças das pessoas, mas não foi preciso, pois ele me fez entender dizendo: - Cada homem é um Universo, não falo do corpo do homem, mas sim de sua Alma.
E o Espírito me levou novamente a estar na presença do Idoso ao qual me foi revelado como Deus Pai, e o Idoso me falou: - Eu tinha duas Varas de Pastor, uma se chama "Graça" e a outra "União; em um tempo de fúria eu quebrei as duas Varas, e entreguei os homens a própria sorte. Porém, a "Vara Graça" eu já a restaurei, e ainda me falta restaurar a "Vara União".
E a Luz vermelha me fez entender que o Pai se referia ao Sacrifício de Jesus Cristo na Cruz como sendo a restauração da "Vara Graça". E o Espírito me fez entender que o Sacrifício de Cristo restaurou a "Vara Graça",  porém,  a "Vara União" seria restaurada, não por Sacrifício, e sim por uma terrível Destruição.
Eu havia entendido todo o Diálogo, mas, ainda eu tinha uma dúvida a respeito sobre o Filho e o Pai, então eu perguntei á Luz vermelha: - Senhor, eu sei que existe um só Deus, e assim aprendi e coloquei minha Fé; Como pode ser, pois eu sei que tu ó Senhor Jesus Cristo és o próprio Deus, mas como posso entender esta visão que me mostra o Filho falando com o Pai.?
E então, o Senhor me respondeu: - Você já leu nas Sagradas Escrituras quando eu falava ao discípulo Filipe, que Eu e o Pai somos um só. E quem me viu, já viu também o Pai, porém, eu te direi que quando Eu estou no Plano Material, meu Pai está nos Céus, e quando estou nos Céus, o meu Pai está no Plano Material; Porém, somos um só. Então entendi pelo Espírito que quando o Filho está na Terra entre nós, o Cristo Pai está nos céus e que assim acontece até o dia em que Cristo Filho entregará o Poder ao Pai e viverá como Irmão nosso aqui na Terra.
Termino aqui o Relato desta minha Visão, apesar de ter tido muitas Visões e Revelações durante muitos anos. Talvez, se Deus permitir, voltarei a escrever outras Visões e Revelações que obtive durante toda a minha vida, aqui neste Blog.
Ass: Filho de Jacó  

Se vós me conhecêsseis a mim, também conheceríeis a meu Pai; e já desde agora o conheceis, e o tendes visto.
Disse-lhe Filipe: Senhor, mostra-nos o Pai, o que nos basta.
Disse-lhe Jesus: Estou há tanto tempo convosco, e não me tendes conhecido, Filipe? Quem me vê a mim vê o Pai; e como dizes tu: Mostra-nos o Pai?
Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.
Crede-me que estou no Pai, e o Pai em mim; crede-me, ao menos, por causa das mesmas obras.
João 14:7-11
Raul Seixas - Meu amigo Pedro
Muitas vezes, Pedro, você fala
Sempre a se queixar da solidão
Quem te fez com ferro, fez com fogo, Pedro
É pena que você não sabe não
Vai pro seu trabalho todo dia
Sem saber se é bom ou se é ruim
Quando quer chorar vai ao banheiro
Pedro, as coisas não são bem assim
Toda vez que eu sinto o paraíso
Ou me queimo torto no inferno
Eu penso em você, meu pobre amigo
Que só usa sempre o mesmo terno
Pedro, onde 'cê vai eu também vou
Pedro, onde 'cê vai eu também vou
Mas tudo acaba onde começou
Tente me ensinar das tuas coisas
Que a vida é séria e a guerra é dura
Mas se não puder, cale essa boca, Pedro
E deixa eu viver minha loucura
Lembro, Pedro, aqueles velhos dias
Quando os dois pensavam sobre o mundo
Hoje eu te chamo de careta, Pedro
Que você me chama vagabundo
Pedro, onde 'cê vai eu também vou
Pedro, onde 'cê vai eu também vou
Mas tudo acaba onde começou
Todos os caminhos são iguais
O que leva à glória ou à perdição
Há tantos caminhos, tantas portas
Mas somente um tem coração
E eu não tenho nada a te dizer
Mas não me critique como eu sou
Cada um de nós é um universo, Pedro
Onde você vai eu também vou
Pedro, onde 'cê vai eu também vou
Pedro, onde 'cê vai eu também vou
Mas tudo acaba onde começou
É que tudo acaba onde começou
              

2 comentários:

acbtos disse...

Por que Deus é contra religiões?

"para que todos sejam um, Pai, como Tu estás em mim e Eu em Ti. Que eles também estejam em nós, para que o mundo creia que Tu me enviaste." (João 17:21)

A vontade de Deus o Pai e de seu Filho Jesus, é que todos os cristãos sejam um isso sujere unidade ou união.

"E, se um reino se dividir contra si mesmo, tal reino não pode subsistir;" (Marcos 3:24)

Divisão significa duas visões, no Brasil cada religião cristã tem uma visão diferente da outra, por isso a tendência é deixar de existir.

"Jesus respondeu, e disse-lhes: Derribai este templo, e em três dias o levantarei." (Jo 2:19 e Mt 25:2)

O próprio Jesus é contrário ao sistema religioso institucional com essa declaração ele mesmo nos constituiu templos ao ressuscitar ao terceiro dia.

"Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos?" (I Cor. 6:19)

Não existe necessidade de prédios físicos, agora Deus o Pai e Jesus o Senhor habita dentro de cada um que o receber como Senhor e salvador.

"Mas o Altíssimo não habita em templos feitos por mãos de homens, como diz o profeta:" (Atos 7:48)

Veja que a vida do Deus altíssimo pelo seu Espírito não habita em construções feitas por mãos humanas porque Jesus já aboliu esse modelo de adoração.

"Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade." (João 4:24)

Adorar em espírito significa exaltar, louvar, glorificar, enaltecer o Espírito de Deus que habita no crente através da maneira de viver, falar, comportar-se, tratar o próximo como Jesus tratou, amando, bendizendo, orando, tendo compaixão, misericórdia, sendo pacificador, curando e desejando o bem sempre.

"Mas vòs sois a geração eleita, o sacerdòcio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as virtudes daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz;" (I Pe 2:9)

Onde houver um crente no Senhor Jesus anunciando o amor de Deus e a salvação pelo sacrifício de Jesus Cristo, ali estará a Igreja de Deus, a palavra igreja na novo concerto significa pessoas convertidas a Jesus em um determinado lugar, e não religiões institucionalizadas com cargos hierárquicos e fins comerciais ou lucrativos, Jesus nunca cobrou 1 centavo para anunciar a palavra do Pai celestial o Mestre não teve religião e não deixou nenhuma para ser seguida ele deixou-se a si mesmo para ser seguido veja: (Mt 16:24)

Tags: igreja de Deus, denominação, templos, significado, religião, reinismo, templocentrismo, instituições, denominações, igrejas fechadas.

Filho de Jacó disse...

Acbtos, estou completamente de acordo com a sua visão sobre este assunto, gostei muito e vejo este teu relato como verdadeiro. Eu pretendo tornar este comentário em uma Postagem aqui no meu Blog, espero que você me permita, pois aqui você deixou um grande ensinamento. Abraços